Votação da Reforma Política vai diretamente para Plenário

Votação da Reforma Política vai diretamente para Plenário

Na segunda-feira o percurso da Reforma Política tomou um rumo inesperado no aspecto processual. O Presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, deliberou retirar a reforma da Comissão onde estava sendo desenvolvida para votação imediata no Plenário.

Devido à ausência de quorum qualificado, a votação na ocorreu, mas novamente será posta à votação durante esta terça-feira.

O fato político criado pelo Deputado Eduardo Cunha mostra seu esforço para ser liderança na Reforma.

Segundo o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), a decisão de votar a matéria diretamente no plenário reflete um “sentimento da maioria dos líderes”.

Para especialistas, caso realmente a votação vá direto para o Plenário, podem ocorrer aprovações pontuais e ficarem em aberto questões mais amplas, cujo contraditório partidário ainda não esta claramente organizado para uma solução.

Esta terça-feira promete novidades quanto à Reforma Política e a UVB está  acompanhando de plantão todos os acontecimentos.

Share This: