População de Cuiabá conta com 20 minutos de participação em sessões da Câmara para demandas

População de Cuiabá conta com 20 minutos de participação em sessões da Câmara para demandas

A Câmara de Cuiabá anunciou mais uma vez, nesta terça-feira (23), que a sociedade cuiabana continua dispondo de um espaço virtual, com tempo de até 20 minutos, durante as sessões ordinárias realizadas pela Câmara da Capital. A iniciativa tem o nome de Tribuna Livre e nela, o cidadão pode discorrer sobre projetos, fazer demandas e expor opiniões abordando variados assuntos relevantes à população.
De acordo com informações da assessoria, para fazer uso da Tribuna, cidadão que tiver interessado, basta solicitar a qualquer vereador ou vereadora, informando previamente o tema que pretender abordar em sua manifestação.

Diante da solicitação, o parlamentar irá enviar o requerimento à Primeira Secretaria da Casa, solicitando a inscrição da pessoa, indicando o tema em questão e a data pretendida. A Tribuna Livre é um espaço de 20 minutos, que deve ocorrer a cada sessão ordinária. Os espaço pode ser utilizado por até duas pessoas, com o tempo máximo de 10 minutos para cada uma.

Devido a pandemia do novo coronavírus e em virtude das sessões estarem sendo realizadas de forma on-line, é importante que os interessados informem o seu endereço eletrônico ou celular a tribuna. “Para que nossa TI (Tecnologia de Informação) possa entrar em contato e fornecer o link de acesso à plataforma da Câmara”, esclarece Vinícius Falcão de Arruda, chefe de Gabinete da Primeira Secretaria.

Neste ano, mais de 10 tribunas já foram realizadas e nelas, houve a explanação sobre o Museu de Arte Sacra em 3D, pelo Patrimônio Histórico de Cuiabá e outra que abordou a importância da Rádio na Comunicação, pelo Radialista e Jornalista Jota Gomes.

Vinícius ressalta que o pedido de agendamento deve ser encaminhado à Primeira Secretaria com no mínimo 48 horas de antecedência, pois a solicitação deve passar pelo crivo do primeiro-secretário e do presidente da Casa para avaliação, depois é submetido à Secretaria de Apoio Legislativo e à Coordenadoria de Cerimonial, para informação à Mesa que vai presidir a Sessão.

Para o vereador e primeiro secretário Paulo Henrique (PV), é importante a participação da sociedade nesses espaços para assegurar à população o direito de manifestar sobre diversos assuntos de interesse público. “A Tribuna Livre é um instrumento muito importante do Parlamento, pois abre espaço para diversas categorias, e ainda aborda problemáticas que nós como vereadores podemos trabalhar para solucionar. Esse espaço é voltado para a população, para profissionais de todos os setores, e cria um diálogo produtivo no Parlamento”, declarou.

Serviço

A Tribuna Livre, assim como as Sessões Ordinárias, é transmitida em tempo real, e pode ser assistida pelas redes sociais na página da Câmara.

 
fonte:https://www.ucmmat.org/noticias-em-geral/

Share This: