NASCE UTI DE ENCANTADO

NASCE UTI DE ENCANTADO

Encantado/RS – A tão sonhada Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de Encantado deve iniciar os atendimentos até o dia 25 de maio. O anúncio veio no final da manhã de hoje, dia 14 de maio, pela direção do Hospital Beneficente Santa Terezinha (HBST) de Encantado à Administração Municipal.

Na ocasião, foi assinado o contrato em que o Município de Encantado repassa os recursos de cerca de R$ 240 mil mensais para o hospital para o funcionamento dos cinco leitos UTI Covid-19, até o credenciamento. “É uma luta de muitos anos. Isso faz com que Encantado seja um micropolo de saúde regional, fortalecendo a nossa região”, destaca o prefeito Adroaldo Conzatti.

A instalação dos cinco leitos de UTI equipados com respiradores, mesmo antes do credenciamento, é resultado de um acordo entre o Ministério Público, Hospital e Prefeitura. Segundo o diretor do HBST, Evandro Klein, o hospital está contratando a equipe médica e de enfermagem. Na tarde desta quinta-feira, o HBST irá encaminhar o pedido de habilitação desses cinco leitos para atendimento Covid-19 à Coordenadoria Regional de Saúde. “Hoje, nasce a UTI de Encantado”, enfatiza o diretor do hospital.

Os cinco leitos de UTI serão instalados no primeiro andar do Hospital, no Posto 1. A partir do início de funcionamento da UTI, o Pronto Atendimento (PA – Covid-19) passa a ser feito na entrada pela Rua Duque de Caxias, ficando assim todos os atendimentos relacionados ao Novo Coronavírus nesta ala do hospital, não mais sendo necessário a utilização do prédio do Centro Regional de Oftalmologia, o qual poderá voltar a operar.
Klein explicou que a previsão dos dez leitos ficarem prontos é no final deste mês de maio. Também será encaminhado o pedido ao Governo Federal para a habilitação dos cinco leitos Covid-19 e mais os cinco projetados, totalizando dez leitos para atendimentos gerais e não só para casos do Novo Coronavírus.

Participaram do ato de assinatura: Adroaldo Conzatti, prefeito municipal, Evandro Klein, diretor do HBST, Clarissa Pretto Scatola, secretrai municipal da saúde e Marilene Daltoé, assistente administrativa do HBST e presidente do conselho municipal da saúde.

Fonte: ASCOM/PME

Share This: