Arquivada denúncia contra vereador Fernando Hallberg

Arquivada denúncia contra vereador Fernando Hallberg

Cascavel/PR – Com 18 votos favoráveis e um contrário, foi mantido o parecer da Comissão Processante pelo arquivamento da denúncia feita contra o vereador Fernando Hallberg (PPL). A votação aconteceu nesta segunda-feira (17), em única deliberação.
Votaram favoráveis ao parecer os vereadores Alécio Espínola, Aldonir Cabral, Carlinhos de Oliveira, Celso Dal Molin, Damasceno Jr., Dr. Bocasanta, Jaime Vasatta, Jeferson Cordeiro, Mauro Seibert, Mazutti, Professor Santello, Olavo Santos, Parra, Paulo Porto, Pedro Sampaio, Policial Madril, Serginho Ribeiro e Valdecir Alcântara e votou contra o vereador Josué de Souza.Na comissão, formada pelos vereadores Serginho Ribeiro, Josué de Souza e Mazutti, foi definido o arquivamento da denúncia de improbidade administrativa protocolada na Casa no dia 16 de agosto por Gilson Teixeira dos Santos e Ricardo Bernardi Castilhos.

Entenda o caso
Gilson Teixeira dos Santos e Ricardo Bernardi Castilhos pediram a abertura de comissão processante e pediram a cassação de mandato do vereador Fernando Hallberg (PPL) por cometimento de suposta infração político-administrativa. Segundo eles, “o vereador Fernando Hallberg, em pleno exercício do mandato, através de empresa da qual é sócio administrador, Editora Aldeia de Cascavel Ltda, recebeu de empresa de propaganda contratada pelo Poder Executivo dinheiro para divulgação da Campanha Show Rural 2018 para o Município de Cascavel, veiculada na Revista Aldeia, de propriedade do edil, que é publicada pela Editora Aldeia de Cascavel Ltda, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 22.679.612/0001-95, em que figuram como sócios, reitere-se, Fernando Bottega Hallberg e Rejane Martins Pires”.

MP também arquivou a autodenúncia feita por Hallberg para exclarecimento do episódio.

Assessoria de Imprensa/CMC

Share This: